Monócitos

Os monócitos são um grupo de células que tem a função de defender o organismo de corpos estranhos. Eles podem ser identificados através do leucograma e passam a ser chamados de macrófagos quando saem do sangue e penetram em algum tecido, a fim de o defender de algum invasor.

  • Monócitos

O que são:
 
Os monócitos são um grupo de células que tem a função de defender o organismo de corpos estranhos. Eles podem ser identificados através do leucograma e passam a ser chamados de macrófagos quando saem do sangue e penetram em algum tecido, a fim de o defender de algum invasor.
 
Os monócitos combatem tanto os vírus como as bactérias e, dependendo do tecido onde estão localizados, recebem outros nomes, tais como: células de Kupffer, no fígado; microglia, no sistema nervoso e células de Langerhans, na epiderme.
 
Monócitos altos
 
Os valores de monócitos ficam altos, condição denominada monocitose, na presença de:
  • Tuberculose
  • Colite ulcerativa
  • Leucemia monocítica aguda
  • Mieloma múltiplo
  • Lúpus
  • Doença de Hodgkin
  • Artrite reumatóide
  • Febre
  • Monócitos baixos
 
Os monócitos baixos, condição chamada de monocitopenia, podem ser causados por:
  • Anemia aplástica
  • Uso de corticoides
  • Terapia com imunossupressores
  • Leucemia aguda
  • Infecções
  • Estresse
  • Valores de referência dos monócitos
 
Os valores de referência dos monócitos são 0-12% ou 90 - 900/mm3.
 
Fonte
http://www.tuasaude.com/monocitos/

Comentários