Quebra-pedra

A quebra-pedra serve para ajudar no tratamento de pedra nos rins, cólica renal, excesso de ácido úrico, desinteira, inchaços, gangrena, problemas na próstata, falta de apetite, diabetes, azia, icterícia e prisão de ventre.

  • Quebra-pedra

A Quebra pedra é uma planta medicinal, também conhecida como Pimpinela branca, Saxífraga, Arranca-pedras, Quebra-panela, Conami ou Fura-parede, muito utilizada no tratamento de pedra nos rins.
 
O seu nome cientifico é Phyllanthus niruri e pode ser comprada em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação e algumas feiras livres.
 
Para que serve a quebra-pedra
 
A quebra-pedra serve para ajudar no tratamento de pedra nos rins, cólica renal, excesso de ácido úrico, desinteira, inchaços, gangrena, problemas na próstata, falta de apetite, diabetes, azia, icterícia e prisão de ventre.
 
Propriedades da quebra-pedra
 
As propriedades da quebra-pedra incluem sua ação colagoga, antiespasmódica, anticancerígena, lipolítica, hipoglicemiante, diurética e antibacteriana.
 
Modo de uso da quebra-pedra
 
As partes usadas da quebra-pedra são suas flores, raizes e sementes.
 
Chá de quebra-pedra: Ferver por 10 minutos em 1 litro de água, 10 g de flores secas de quebra-pedra. Consumir 2 a 3 xícaras por dia.
O chá de quebra-pedra não deve ser tomado por mais de 21 dias pois pode ser tóxico. Por isso recomenda-se tomar o chá por até 3 semanas, fazer uma pausa de 1 semana e, então, voltar a tomar o chá.
 
Efeitos colaterais da quebra-pedra
 
O principal efeito colateral da quebra-pedra é a desmineralização do organismo, quando consumida em excesso ou por mais de 21 dias consecutivos.
 
Contraindicações da quebra-pedra
 
A quebra-pedra está contraindicada para grávidas, crianças e mulheres que amamentam.
 
Fonte:
http://www.tuasaude.com/quebra-pedra/

Comentários