Colonterapia

Tratamento para o intestino, também conhecido como hidrocolonterapia, colônico e hidroterapia de cólon

  • Colonterapia

A colonterapia é uma técnica muito conhecida e utilizada fora do Brasil há anos. Antigamente a limpeza intestinal era feita em casa, com irrigadores, para baixar a febre e livrar de possíveis problemas de saúde.
 
Hoje a técnica se modernizou e é feita em clínicas por pessoas especializadas, que realizam uma limpeza muito mais completa que a conseguida com o “rudimentar” irrigador.
 
Durante o tratamento podem ser utilizadas misturas com ervas, fitoterápicos e café para tratamento específico de fígado, vesícula, hipertensão, diabete, etc. O enema de café ajuda no esvaziamento da vesícula biliar, assim como na drenagem e purificação do fígado.
 
Indicações
 
Constipação; colites; diarréias; gases/flatulências; parasitoses; doenças de Crohn e auto-intoxicação por sangue - que traz como conseqüência cansaço, envelhecimento precoce da pele e perda de apetite sexual; perda da fertilidade; sinusite; rinite; edemas; osteoporose; transtornos linfáticos; celulite; acne; eczemas; alergias; depressão; asma; bronquite; artrose; lombalgia; afecções hepáticas e obesidade.
Tem ação diurética, favorecendo a excreção de toxinas; diminui ou até elimina a TPM e cólicas menstruais; recupera a digestão e a absorção de nutrientes; desintoxica em casos de má alimentação, alcoolismo e drogas; regulariza o colesterol, triglicérides, glicemia e ácido úrico; revitaliza o sistema imunológico e melhora a regeneração celular; ajuda na redução de peso; revitaliza a flora intestinal; livra de toxinas outros órgãos, como rins e pulmões; alivia dores e febre; combate o estresse, porque elimina sintomas secundários de intoxicação, como irritabilidade, cansaço e debilidade; é coadjuvante em tratamentos de estética, plásticas, prevenção e redução de celulite.
 
Contraindicações
 
Enfermidades cardíacas severas, hipertensão arterial não controlada, aneurisma, hemorragia ou perfuração do trato intestinal, hemorróidas severas, carcinoma de cólon, fístulas e fissuras no cólon, gravidez, insuficiência renal e cirurgia recente do cólon.
 
Fonte:
http://www.curapelanatureza.com.br/2008/02/hidroclon-ou-colonterapia.html

Comentários